domingo, 12 de novembro de 2017

Crianças são consultadas por oculista e recebem óculos através de ação do Rotary Club de Iguatu

Essa ação do Rotary atende a alunos da Rede Pública
Com o objetivo de garantir a saúde ocular de jovens e crianças da cidade de Iguatu, no último sábado (04), consultas gratuitas foram ofertadas ao público alvo por meio de programa social desenvolvido pelo Rotary Club de Iguatu e a empresa Casa das Lentes.

Cerca de 20 crianças de 6 e 7 anos, matriculadas na rede pública municipal, passaram pelo oftalmologista Descartes de Lucena e descobriram se precisavam ou não usar óculos. Dos selecionados nove foram diagnosticadas com algum problema de visão que poderia se agravar com o tempo caso não fosse descoberta a tempo.

A iniciativa visa identificar possíveis problemas oftalmológicos em alunos que apresentam dificuldade na leitura e na cópia de tarefas. “Fizemos a seleção junto às diretoras de algumas escolas que têm a sensibilidade diária dos alunos que, por motivos de saúde ocular, compromete seu desempenho nos estudos. Para muitas delas, esse foi o primeiro contato com um oftalmologista”, afirmou Vinicius Mendonça, presidente do Rotary.

Depois dos exames, a próxima etapa do projeto culmina na escolha da armação dos óculos e a confecção das lentes. A Casa das Lentes vai produzir e doar os óculos para cada uma das crianças cujo diagnóstico indicar essa necessidade. “Só em consultas foram investidos socialmente mais R$ 1.400,00. Faremos ainda a doação das peças, permitindo que o aluno contemplado tenha a oportunidade de escolher a armação, de acordo com as especificações médicas”, contou Jefferson Filipe, rotariano e empresário do seguimento ótico parceiro na ação.

A proposta é que a cada três meses a ação ocorra beneficiando alunos da rede pública. “Ficamos muito felizes. O foco maior foi preservar nosso ideal rotário de Dar de Si Antes de Pensar em Si. Com cada criança no uso dos óculos dando um salto na qualidade de vida”, finalizou Jefferson. Com informações para a imprensa de ​Thiedo Henrique

Nenhum comentário:

Postar um comentário